Produção de açúcar chega a 39,41 milhões de toneladas

Já a fabricação do etanol tem avanço 10,95% desde o início da safra

  • 28/11/2023 16:09
  • Ester Agroindustrial
  • Ester Agroindustrial

A produção de açúcar na primeira metade de novembro totalizou 2,19 milhões de toneladas. Essa quantidade, quando comparada àquela registrada na safra 2022/23 de 1,67 milhão de toneladas, representa aumento de 32,09%.  

No acumulado desde 1º de abril, a fabricação do adoçante totaliza 39,41 milhões de toneladas, contra 32,02 milhões de toneladas do ciclo anterior (+23,10%). As informações são da União da Indústria de Cana-de-Açúcar e Bioenergia (UNICA).

Com o encerramento da safra se aproximando, as usinas anexas têm ganhado representatividade no processamento da cana-de-açúcar o que, por consequência, tem causado um aumento do mix de produção açucareiro da região Centro-Sul como um todo. 

Na primeira quinzena de novembro, 1,64 bilhão de litros (+28,92%) de etanol foram fabricados pelas unidades do Centro-Sul.

Do volume total produzido, o etanol hidratado alcançou 989,05 milhões de litros (+65,18%), enquanto a produção de etanol anidro totalizou 648,76 milhões de litros (-3,41%).

No acumulado desde o início do atual ciclo agrícola até 16 de novembro, a fabricação do biocombustível totaliza 28,62 bilhões de litros (+10,95%), sendo 16,93 bilhões de etanol hidratado (+12,55%) e 11,68 bilhões de anidro (+8,69%).

Da produção total de etanol registrada na primeira quinzena de novembro, 17% foram provenientes do milho, cuja produção foi de 279,80 milhões de litros neste ano, contra 188,79 milhões de litros no mesmo período do ciclo 2022/23 aumento de 48,21%.

No acumulado desde o início da safra, a produção de etanol de milho atingiu 3,79 bilhões de litros avanço de 42,80% na comparação com igual período do ano passado.


0 Comentário(s)